A terra do povo mais feliz do Brasil!

China afirma que EUA podem enfrentar consequências por ‘ações erradas’ após Trump anunciar aumento de tarifas.

171

Ministério do Comércio chinês disse que nova onda tarifária dos americanos prejudica o comércio mundial.

O governo da China disse neste sábado (24) que os Estados Unidos podem enfrentar consequências se não encerrarem suas “ações erradas”, após os americanos anunciarem aumento de tarifas sobre a importação de produtos chineses na sexta-feira.

  • Entenda a piora das tensões entre China e EUA e as incertezas para a economia mundial

Os comentários foram feitos do Ministério do Comércio da China, que afirmaram ainda que as atitudes dos Estados Unidos prejudicam o sistema de comércio mundial.

“O protecionismo comercial viola o princípio do respeito mútuo e benefício mútuo, e prejudica seriamente o sistema multilateral de comércio e a ordem normal de comércio internacional”, disse o ministério em comunicado.

“A China insta fortemente os Estados Unidos a não julgar mal a situação ou subestimar a determinação do povo chinês”, acrescentou.

Na sexta-feira, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump disse em uma rede social que as tarifas atualmente em vigor sobre US$ 250 bilhões subirão de 25% para 30% a partir de 1º de outubro. E, além disso, as novas tarifas previstas para entrar em vigor em 1º de setembro sobre US$ 300 bilhões serão de 15%, e não mais de 10%.

O movimento de Trump foi uma resposta à China, que havia implementado tarifas extras sobre US$ 75 bilhões em produtos importados dos Estados Unidos, especialmente carne bovina e soja.

Mercados em queda

A escalada da guerra comercial provocou uma perda generalizada nos mercados financeiros. As bolsas dos Estados Unidos fecharam em forte queda. O Dow Jones Industrial Average caiu 2,37%, o S&P 500 perdeu 2,59%, e o Nasdaq Composite recuou 3%.

No Brasil, a Bovespa recuou 2,34%, a 97.667 pontos, e foi ao menor patamar desde 17 de junho (97.623 pontos). E o dólar terminou a sessão em alta de 1,13%, vendido a R$ 4,1250, no maior valor desde 19 de setembro do ano passado.

fonte: https://g1.globo.com/economia/noticia/2019/08/24/china-afirma-que-eua-podem-enfrentar-consequencias-por-acoes-erradas-apos-trump-anunciar-aumento-de-tarifas.ghtml

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.